Descubra todas as oportunidades Tronik︎ Subscreva a Newsletter.︎

Como uma mentalidade fixa pode limitar a tua carreira
05/08/2020

Como uma mentalidade fixa pode limitar a tua carreira

Quando enfrentas comentários e críticas, parece um ataque pessoal? Quando no teu caminho enfrentas um obstáculo, ficas sem forças para continuar e só pensas nas derrotas passadas? Desistes de uma ideia antes de começar, simplesmente porque nunca passaste pela situação antes?
 
Se respondeste positivamente a estas perguntas, possivelmente, tens uma mentalidade fixa que o impede de experimentar o sucesso que desejas. Podes dizer que os desafios são demasiado grandes para ti ou que nunca tens sorte, mas na realidade há muito mais por detrás disso.
 
Os teus pensamentos são a diferença entre conseguir o emprego que que sonhas ou ficar preso na tua carreira.
 
A mentalidade fixa gira em torno da inteligência, dos talentos, do caráter e até mesmo criatividade. São características inatas e praticamente imutáveis.  Quem tem uma mentalidade fixa não gosta de correr muitos riscos. Existe uma grande sensação de conforto que resulta em seguir apenas os pensamentos seguros. Se esta é a tua forma de estar, podes afetar a tua trajetória de carreira a longo prazo. Uma mentalidade fixa aceita o fracasso e impede de tentar novamente.
 
Por outro lado, quem tem uma mentalidade de crescimento vê desafios como oportunidades de crescimento com determinação e trabalho, pode expandir suas habilidades. Viveres com uma mentalidade de crescimento torna possível abraçares os desafios que surgem na tua vida. E as falhas tornam-se oportunidades para evoluir, crescer e melhorar.

Felizmente, cada um tem o poder de guiar o pensamento na direção que deseja. Aqui estão quatro dicas que te vão ajudar a perceber e a cultivar uma mentalidade de crescimento rica em pensamentos positivos.
 
1. Detetar pensamentos fixos
 
Com certeza, que em muitas situações da tua vida te deparas com situações menos confortáveis. Tenta perceber se respondes defensivamente ao feedback e tentas fugir ao assunto. É importante que entendas bem quando os teus pensamentos estão a fugir ao desconforto. Estes são alguns exemplos da diferença de pensamentos entre uma mentalidade fixa e uma mentalidade de crescimento:
 
Ao receber feedback
 
Mentalidade fixa: “Este é um ataque pessoal a mim. Eu nunca serei bom o suficiente."
 
Mentalidade de crescimento: "Eu posso aprender com o que esta pessoa está a dizer."
 
Cometer uma falha
 
Mentalidade fixa: "Eu desisto, este é o meu limite."
 
Mentalidade de crescimento: "Embora não tenha corrido bem, aprendi muito e usarei como uma oportunidade para crescer".
 
Crescimento da tua carreira
 
Mentalidade fixa: "Eu nunca vou capaz, não sou inteligente o suficiente".
 
Mentalidade de crescimento: "Estou determinado a continuar a tentar e nunca vou desistir."
 
Observar um colega de trabalho a ter sucesso
 
Mentalidade fixa: "Ele teve sorte, nunca serei eu".
 
Mentalidade de crescimento: "Eu inspiro-me no sucesso dele, eu sei que vou conseguir alcançar aquela meta”.
 
 
2. Deixa o feedback alimentar o teu crescimento.
 
Um feedback é assustador de receber e piora quando fazes disso um grande problema. Torna-te vulnerável e colocam os pontos fracos numa dimensão maior do que realmente são. Quanto mais alto sobes na carreira e tens responsabilidades maiores, aumenta a carga do feedback. Convém que à medida que cresces profissionalmente, ajustares a tua forma de encarar as perguntas. Não é o feedback que te define, é o que fazes com ele.
 
3. Mais oportunidades de falhar
 
Aqueles que possuem uma mentalidade de crescimento tendem a enfrentar desafios e acreditar que o trabalho e a perseverança vão ajudar a destacar-se na vida. Essas são características atraentes para serem vistas num funcionário. Veres as falhas como uma oportunidade de aprender, permite evoluíres como pessoa e profissional. Uma mentalidade de crescimento reconhece que o fracasso não é prejudicial, mas pode ser um trampolim para o sucesso.
 
4. O poder do "ainda".
 
Quando te deparas com um obstáculo insuperável, em vez de dizeres: "Não posso fazer isto", reformula a frase para incluir "ainda". Da mesma forma que o fracasso pode ajudar a crescer, desafios difíceis podem ser um teste do compromisso com o crescimento. Lembra-te que se não é possível fazer algo "ainda", podes criar um plano de resolução de problemas para seguires em direção às metas que definiste, em vez de desistir quando os tempos estão difíceis.
 
Ao cultivar uma mentalidade de crescimento vai ajudar-te a chegar a atingir o sucesso no trabalho, nos teus relacionamentos e em outros aspetos da vida. Pode parecer desconfortável no começo, mas lembra-te que isso é o que te vai permitir crescer.

Fonte.

Tronik - Digital Recruitment Agency
Tronik - Digital Recruitment Agency